quarta-feira, 30 de setembro de 2015

São Benedito do Rio Preto: Descaso com a saúde pública impera o Municipio.

Prefeito - Maurício Fernandes.
O que vem ocorrendo no município maranhense de São Benedito do Rio Preto é um verdadeiro descaso administrativo gerenciado pelo prefeito Maurício Fernandes (PMDB).
>Todos os setores estão caóticos mas, o que mais tem chamado atenção da população que tanto necessita é a Saúde Municipal. Médico formado, o prefeito Maurício deveria ao menos se importar mais com uma área tão essencial e que poderia estar sendo melhor assistida se o gestor utilizasse de maneira idônea os recursos oriundos do Governo Federal que chegam sim ao Município e não são devidamente aplicados.
De 2013 a agosto de 2015 já foram repassados mais de R$ 74 milhões aos cofres da prefeitura de São Benedito do Rio Preto e o que se vê por lá é uma triste realidade.
O hospital está completamente abandonado sem jamais passar por uma reforma. As instalações são precárias e a falta de higiene é nítida. Nos leitos, outra calamidade: os colchões estão rasgados e sem lençóis para cobri-los. Na cozinha do hospital a parede está caindo. E para piorar, não há fiscalização sanitária, pois caso houvesse o local já estaria interditado.
Não bastasse tudo isso, além da falta de médicos e remédios para atender os pacientes, o laboratório do município fechou e hoje a cidade só conta com dois laboratórios particulares, ou seja, quem não tem condições de pagar fica sem fazer o exame. Isso é verdadeiro perigo para a vida de quem precisa do atendimento público.
Lamentavelmente a população vai continuar sofrendo por que apesar do prefeito Maurício ser médico e o vice também, quem cuida da Saúde Municipal é a agente administrativa da prefeitura, Maria Áurea, oficialmente secretária de Saúde. Mas em São Benedito do Rio Preto a palavra final tem sido do vice-prefeito Cícero Macário.
 
Veja as imagens do descaso e do desrespeito com a Saúde Pública patrocinados pelo prefeito Maurício Fernandes. 





Reportagem. Willame Policarpo

Nenhum comentário:

Postar um comentário