terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Em Santa Luzia do Paruá: Escola do Povoado Agricolândia II, em um verdadeiro abandono.

A Escola Municipal M. Aragão, do povoado Agricolândia II em Santa Luzia do Paruá está fechada desde o ano passado e não é a única a encontrar-se numa situação depredante! 
Pelo menos outras cinco unidades escolares estão na mesma situação. Para as famílias do local, não existe mais aquela comodidade de ter a ‘educação perto de casa’, pois as crianças são levadas para um povoado vizinho onde os pais ou responsáveis são obrigados a fazer locomoção por conta própria a uma distância considerável. 
As razões para o fechamento da escola pode ter sido um número reduzido de alunos que infelizmente não tem sido compensada pela presença de transporte escolar que possa facilitar o acesso a escola de povoados vizinhos como Centro do Chicão e outras das adjacências que inclusive são administradas pelo município de Maranhãozinho. 

O estado de depredação da escola desativada da Agricolândia II é um exemplo irrefutável do abandono ao patrimônio municipal numa ocasião em que os repasses como o do Fundeb não tem diminuído. É possível perceber que o prédio abandonado ainda conserva a pintura deixada pela gestão do ex-prefeito Nilton.


No roteiro de nossa visita também encontramos uma mãe que se disse lamentar pelo filho que irá deixar de estudar devido a falta de acesso ao Ensino Médio. As dificuldades representadas pela falta de condições de deslocamento e de permanência na sede foram as justificativas para este caso de injustiça e incompetência governamental.


reportagem. Willame Policarpo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário