quarta-feira, 13 de abril de 2016

Que maravilha! Justiça brasileira autoriza casamento de homem com duas mulheres

O jovem Leandro Sampaio é um homem de sorte. A Justiça do Rio de Janeiro lhe permitiu casar com duas belas jovens. A União aconteceu no 15º Ofício de Notas. Ele casou com Thais Sousa e Yasmim Nepumuceno.


“O que importa no Direito de Família é a relação de afeto que existe entre as pessoas. Qualquer tipo de união estável existe sem o papel (escritura). O papel vai servir para ratificar e regular aquela relação”, disse a tabeliã Fernanda Leitão. Para ela, o conceito de família é plural e aberto, conforme ampara a Constituição Federal.
O mesmo cartório já registrou o casamento entre três mulheres e elas puderem ser registradas no mesmo plano de saúde. O objetivo delas é gerar um filho neste ano o obter um registro multiparental, além de tentar pensão previdenciária.
A nova família – formada por uma empresária (34), uma dentista (32) e uma gerente administrativa (34) – quer agora em 2016 gerar um filho, que terá os três sobrenomes na certidão, tratando-se, portanto, de um registro multiparental.
A união oficializada pela tabeliã Fernanda Leitão inclui testamentos vitais e de bens. O próximo passo da nova família é pleitear pensão previdenciária e declaração conjunta no Imposto de Renda.


reportagem. Willame Policarpo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário