sexta-feira, 22 de julho de 2016

Manifestação sem êxito em Santa luzia do Paruá.



Quais os efeitos de uma Pseudomanifestação ocorrida recentemente em Santa Luzia do Paruá que dizem os seus organizadores teriam como objetivo chamar a atenção da Sociedade Santa Luziense do Paruá, sobre os desvios ao SANTAPREV, onde um grupo de gatos pingados formado por servidores cedidos pela prefeitura a uma entidade que antes se dizia Sindicato dos Servidores do Município e que atualmente não passam de órgão de apoio as maldades da Prefeita contra os servidores e especialmente aos Professores do Município?

      O Pior é que o representante deste ajuntamento de desocupados é comandado por um ser que antes se dizia representantes dos Professores, e ao se eleger se transformou na quinta coluna dos seus representados e evidentemente passou a apoiar os atos praticados contra o povo e os servidores do município.

      Por isso afirma um adágio popular que se quiseres conhecer alguém der a este Poder. E foi exatamente isto que aconteceu com este que senhor que por motivo assepsia não declinarei aqui o seu nome. Se este Senhor ou se este grupo de fato estivesse querendo trabalhar ou alertar a nossa população a respeito de desvios ocorridos na SANTAPREV bastariam para tanto recorrer a Lei Municipal 394/2015, pois é exatamente nesta lei que se materializa o maior desfalque a este instituto, desfalque este que não existe uma única atuação que justifique a retirada do dinheiro, ou seja, não existe uma obra ou ação deste governo que consiga nos informar onde este dinheiro possa estar.
    
     Portanto se os participantes do protesto quiserem de fato a elucidação dos fatos citados os mesmos dispõem dos mecanismos para tal, pois foi criada uma CPI na câmara cujo governo controla praticamente a maioria só falta vontade, ou quem sabe coragem, a verdade é esta e se os senhores quiserem protestar contra os desvios da SANTAPREV tai um prato cheio, entretanto duvidamos que os mesmos façam, haja visto que estão mancomunados com a atual gestão e também são participes dos seus atos.


     O Barulho deste Grupo pretende nos ensurdecer, a fumaça dispersada pretende nos impedir de enxergar, mais todos estamos atentos e não vamos permitir que a mentira triunfe sobre a verdade.


     A Santaprev precisa e deve ser administrada tendo como objetivo o atendimento dos fins aos quais se destinam que é servir de apoio e suporte aos funcionários do município no momento preciso e necessário.

A Santaprev ou as suas administrações frequentemente questionadas, entretanto é necessário que prevaleça a verdade e que a mesma venha à tona com base em fatos comprovados. A Comunidade dos funcionários e ou servidores do município acompanham de forma apreensiva os desdobramentos administrativos e gerenciais deste instituto e que tem como fim último o atendimento das necessidades das pessoas aos quais os seus recursos se destinam. 
Entretanto nós negamos a acreditar em uma pessoa que não foi capaz nem ao menos de cumprir a promessa de que de fato queria se eleger para defender e representar uma categoria e ao conseguir este intento desviou suas ações, como é o caso do Pseudo Sindicalista que no momento quer pousar de paladino da moralidade pública, como se nós não o conhecêssemos.

blog do Willame Policarpo

Nenhum comentário:

Postar um comentário