segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Notas da manhã

Impeachment
1_dilma_vermelho_frangida-316795A presidenta afastada Dilma Rousseff vai hoje (29) ao Senado se defender das acusações de ter cometido crime de responsabilidade em 2015. Ela responde ao processo de impeachment, sob a alegação de ter editado em 2015 decretos de crédito suplementar sem autorização do Congresso e também de usar dinheiro de bancos federais em programas do Tesouro [as chamadas pedaladas fiscais].
A petista foi afastada da presidência da República pelo Senado há mais de 100 dias. Na última semana, o Senado ouviu os depoimentos das testemunhas de defesa e de acusação na quinta (25), sexta (26) e sábado (27). Dilma começa a falar às 9h. Inicialmente, terá 30 minutos para a apresentação, mas esse tempo poderá ser prorrogado por mais 30 minutos. A critério do presidente do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, que comanda o julgamento do impeachment, a presidenta afastada poderá ter mais tempo na fase inicial.
Crise
eliziane_campanha_cavalos-319010
Implodiu a primeira crise de marketing da corrida eleitoral em São Luís. E foi na campanha da candidata do PPS, Eliziane Gama. Um deslize na propaganda eleitoral de TV gerou uma enxurrada de críticas de uma categoria importante para a candidata: os policiais militares. Na inserção na TV, soldados apareceram com patas de cavalo em uma charge. A desastrada investida da computação gráfica rendeu críticas da categoria nas redes sociais e blogueiros contrários à candidata não perdoaram.
A artilharia desferida obrigou Eliziane a repreender seu staff de campanha, demitir os responsáveis pela lambança e retirar a imagem do programa eleitoral. Mas o fez tardiamente. Sua coordenação dormiu no ponto. A charge polêmica apareceu em doisprogramas, incluindo o deste sábado.
img-20160828-wa0053_QkIzgJGLGBT
Com cinco trios elétricos, a 13ª Parada do Orgulho LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais e Transgêneros) movimentou a tarde deste domingo (28), com concentração em frente ao Parquinho da Avenida Litorânea, em São Luís.
O evento começou por volta das 16h e atraiu milhares de pessoas que fizeram a festa em direção à Praça do Pescador. Com muita animação, drag queens e gogo boys, ao som de Djs locais, embalaram a tarde de domingo. Com o tema “Lei de identidade – a ameaça para a cidadania LGBT no contexto político de ataque a ordem democrática e dos direitos humanos” a parada teve como objetivo principal “resgatar o episódio que ocorreu em 1970” e pedir mais tolerância e respeito para a sociedade, além de sensibilizar o poder público e a população em geral.
Reunião
????????????????????????????????????O candidato a prefeito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva (PSDB), da coligação “Aliança Democrática Ribamarense”, que reúne 20 partidos, visitou na última semana mais de 20 bairros da cidade, na atividade de campanha denominada “Chegou Chegando”.
Por onde passou, Luis Fernando recebeu o carinho dos moradores. Muitos seguiram nas caminhadas com o candidato majoritário, com o vice, Eudes Sampaio, com os candidatos a vereador e demais correligionários. “Por onde passei, recebi declarações de apoio e reconhecimento pelo trabalho que fiz, não só referente aos seis anos que administrei o município, mas por tudo que consegui para São José de Ribamar desde que entrei na vida pública”, disse o candidato.

Acidente
acidente_uKSpKemUm homem identificado como Sérgio Henrique Pereira Garcez, de 47 anos, foi atropelado por volta das 6 horas da manhã deste domingo (28), na Rua da Feira, na Cidade Operária, em São Luís. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local do acidente.
Segundo o Sargento Beckenbauer, do 6º Batalhão de Polícia Militar, o veículo dirigido por Saylon Santos Mascarenhas, de 27 anos, estava em alta velocidade. O forte impacto fez com que Sérgio Henrique subisse cerca de três metros, chegando na altura do telhado das casas. Quando atingiu o chão, o homem já estava sem vida. O motorista apresentava sinais visíveis de embriaguez.

Nenhum comentário:

Postar um comentário