quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Operação da Polícia Federal agora pela manhã em Coroatá resulta na apreensão de veículos e prisão de médicos.

Delegados e agentes da Polícia Federal amanheceram hoje na cidade de Coroatá. Uma operação faz busca e apreensão de carros e prisões de médicos. O médico e diretor do Samu, Mariano, que comandou o órgão na gestão municipal de Luis Amovelar e retornou agora com o atual prefeito, Luis Amovelar Filho, foi preso.


Não existem ainda detalhes claros da operação levada e efeito em Coroatá, mas pelas ações doa Polícia Federal resta claro que se trata de desvio de recursos da saúde, o que pode remeter ao prosseguimento da operação Sermão aos Peixes.
Além do doutor Mariano, figura que ganhou destaque nas ações da saúde nos dois primeiros anos da gestão do governador Flávio Dino, outro médico também, teria sido preso, e um carro SW4 que seria de propriedade dele.
A Superintendência da Polícia Federal no Maranhão deve liberar informações oficiais sobre a operação por todo o dia de hoje. Aguardem!



REPORTAGEM  WILLAME POLICARPO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário