quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Análise da votação da Câmara Municipal de Nova Olinda do Maranhão.




Se o grupo de vereadores que apoia a prefeita e o deputado municipal estão tão bem e unidos, por que tiveram que aceitar o vereador Cláudio Santos, oposição, como vice na chapa que venceu a eleição?

Se o grupo que o deputado municipal lidera está tão bem, por que queria lançar mais uma chapa com a vereadora Vivi, cunhada de Luciano Weba, na qual, não conseguiu sequer, adesão de vereadores para formar chapa pra concorrer com a do vereador Betinho?

A chapa do Betinho e do Claudio Santos foi  única e vencedora.

Resumindo, Hemetério Weba, juntamente com Iracy Weba, perderam o controle da Câmara Municipal  e de seus apoiadores, que estão ligados na possibilidade real da perda da eleição de Hemetério Weba e perda de mandato da prefeita, em segunda instância, no TRE.

Mas, vamos exatamente aos bastidores do fato, desde o princípio...

Os vereadores Sharly e Jontinha, deduraram o plano de traição do deputado municipal em colocar a Vivi como candidata, quando antes, o deputado garantia ao Herbert que continuaria como presidente.  Daí, os dois juraram apoio ao Betinho. Jontinha até alugou casa em Salinas, em seu próprio nome, para que viajassem para lá, em forma de não se encontrarem num raio próximo às tentações de propostas financeiras do deputado e prefeita.

No meio da viagem, após receberem ameaças por celular do deputado, os dois inventaram um depósito no Bradesco a fazer e retornaram a Nova Olinda. Ao chegar à cidade, pegaram a maior pressão de suas vidas do dono deles que determinou "voltem e resolvam a merda que fizeram, Não quero saber, eu vou cortar vocês e os compromissos". Dai, no retorno o vereador Betinho não aceitou mais os mesmos porque queriam virar X9 da história.

Após essas situações, os vereadores de oposição foram convocados a participarem da chapa tendo a vaga de vice-presidente e, assim foi feito.

Então, seguiram viagem a rumo desconhecido.

Foram três dias de agonia e sem dormir para os Webas, inclusive o filho mimado deles, que até atirou na Caixa d'água de sua casa porque mais uma vez virou culpado em intervir e falar demais, pois, com certeza, seria beneficiado pela cunhada, caso fosse eleita presidente.

Mas não deu... Muitas buscas incessantes pelas terras do Para e Oeste do Maranhão, até o tio do vereador Jontinha, o político acabado Jorginaldo foi acionado para ajudar a encontrá-los, caso o encontrassem, ganharia a secretaria de esportes. Enfim, o restante já está se vendo o que aconteceu. O deputado ficou desmoralizado, baixando a guarda e mostrando as rédeas puídas que tinha sob a câmara municipal.

E, como prova desse relato, têm-se o discursos de indignação da vereadora Viví (tão tão distante), que mostra, em suas palavras, os reais sentimentos do deputado municipal, da prefeita, do mimado filho, etc..

Veja abaixo, os vereadores que, foram autores da lei que alterou a data da eleição da presidência da Câmara Municipal de Nova Olinda do Maranhão, fato que, dar ainda, maior comprovação e veracidade dos  fatos e que, confirmam que, os únicos vereadores em quem o deputado municipal e a prefeita podem contar de verdade é a vereadora Viví (tão tão distante) e o impostor Joilson.


REPORTAGEM  WILLAME POLICARPO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário