segunda-feira, 26 de março de 2018

Temer, uma pedra no sapato de Roseana Sarney.





Tudo indica que o presidente Michel Temer (MDB) vai mesmo disputar a reeleição em outubro. Mas uma candidatura de Temer pode prejudicar ainda mais os planos da ex-governadora Roseana Sarney (MDB) em retomar o poder no Maranhão.
Em entrevista à Revista Isto é nesta sexta-feira (23), Temer disse que seria uma “covardia” não disputar a eleição.

Apesar da disposição, Temer tem registrado baixos índices de popularidade (6% de aprovação) assim como não passa de 1% das intenções de voto para a eleição presidencial. E esse é o maior problema para Roseana: subir no mesmo palanque do presidente mais impopular da história.

Sozinha, Roseana já concentra grande desprestígio entre os maranhenses. Ao lado de Temer as coisas só devem piorar. Pesquisa Ibope divulgada em janeiro revela que 90% dos brasileiros não votariam de forma alguma num “candidato que defenda o governo Temer”.

REPORTAGEM WILLAME POLICARPO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário