quinta-feira, 1 de novembro de 2018

Mulher é assassinada com 13 tiros na porta de sua casa em Pedreiras.


Rosileide Granjeiro Souza

Uma mulher, de 33 anos, morreu na manhã desta terça-feira (30), depois de ser baleada por vários tiros na Rua Vicente Benigno, no Bairro Novo Seringal, em Pedreiras (MA).

De acordo testemunhas que preferiram não se identificar, o crime aconteceu às 6h30, no momento em que a vítima retirava a motocicleta para levar sua filha, uma criança para á escola; dois homem em uma motocicleta se aproximaram e um deles disparou cerca de 13 tiros contra a mulher. As balas atingiram o braço e a região torácica. A vítima foi identificada como Rosileide Granjeiro Souza, mais conhecida pelo apelido de “Lêda”. O corpo foi levado para o Hospital Geral de Pedreiras, onde deu entrada às 6h50, já sem vida.


Residência da vitima


Lêda era companheira do açougueiro Taumaturgo, assassinado no dia 8 de abril de 2014. Ela estava na garupa da moto trafegando na região da Santinha em Pedreiras, quando o marido foi alvejado a tiros.

A polícia civil e a polícia militar estiveram no local do assassinato e no hospital realizando os primeiros procedimentos.

A 14ª Delegacia Regional de Pedreiras deve investigar o caso.


REPORTAGEM  WILLAME POLICARPO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário