RÁDIO TROPICAL FM 89,3

https://cantador.app:9160/live

terça-feira, 23 de fevereiro de 2021

IBGE abre inscrições para concurso com mais de 5.800 mil vagas

Os valores para fazer a prova são de R$ 39,49 para ACS e ACM. Já para concorrer para as vagas de recenseador é cobrado uma taxa de R$25,77.

As inscrições para o concurso do Instituto Brasileiro de geografia e Estatística (IBGE), começa nesta terça-feira (23). No Maranhão são oferecidas 5.133 vagas para os cargos de recenseador, 445 vagas para Agente Censitário Supervisor e 246 para Agente Censitário Municipal. As inscrições vão até o dia 19 de março pela internet.

Os candidatos que conseguirem a vaga tem empregos temporários de três meses inicialmente, com remuneração e produtividade.

Para concorrer a vaga de recenseador é preciso ter ensino fundamental completo e para as vagas de Agente Censitário Supervisor (ACS) e Agente Censitário Municipal (ACM) é preciso ensino médio completo.

Os valores para fazer a prova são de R$ 39,49 para ACS e ACM. Já para concorrer para as vagas de recenseador é cobrado uma taxa de R$25,77.

O que faz cada cargo e quanto vai ganhar?

A função do recenseador é fazer visita a domicílios e a aplicação do questionário do Censo aos moradores, a remuneração é feita pela produtividade, de acordo com a quantidade de residências visitadas e pessoas recenseadas, considerando ainda a taxa de remuneração de cada setor censitário, o tipo de questionário preenchido (básico ou amostra) e o registro no controle da coleta de dados.

Os agentes censitários supervisor e municipal fazem o trabalho de supervisionar o serviço dos recenseadores. Para o cargo de ACM o salário é de R$ 2.100, para ACS é R$ 1.700.

O Censo

A cada 10 anos o censo é realizado, mas por conta da pandemia causada pela Covid-19, o concurso foi adiado para este ano.

Mais de 70 milhões de endereços vão ser visitados para recolherem informações como a característica da casa, identificação étnico-racial, nupcialidade, núcleo familiar, fecundidade, religião ou culto, deficiência, migração interna ou internacional, educação, deslocamento para estudo, trabalho e rendimento, deslocamento para trabalho, mortalidade e autismo.

Reportagem : Willame Policarpo 

Nenhum comentário:

Postar um comentário