RÁDIO TROPICAL FM 89,3

https://cantador.app:9160/live

quinta-feira, 2 de setembro de 2021

Mais de 2 mil litros de agrotóxicos vencidos são apreendidos no Maranhão

 Em Açailândia, os fiscais da Aged interditaram 1.404 litros e em Cidelândia foram 810 litros de agrotóxicos interditados. 

 


Uma ação da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged) de Açailândia, município distante 567 km de São Luís, realizada em seis municípios da região interditou 2.224 litros de agrotóxicos vencidos. Algumas fabricantes iniciariam, ontem quarta-feira (1º), o recolhimento dos agrotóxicos interditados. 


Em Açailândia, os fiscais da Aged interditaram 1.404 litros e em Cidelândia foram 810 litros, sendo que 320 litros eram de paraquat, um princípio ativo de agrotóxicos cuja comercialização e uso estão proibidos no Brasil pela Resolução Anvisa n° 428 de 7 de outubro de 2020. 


Todos os produtos foram interditados e as fabricantes dos agrotóxicos foram notificadas para fazer o recolhimento conforme preconiza a legislação vigente. 


A ação ainda teve desdobramentos e os fiscais realizaram atividades de inspeção e defesa sanitária vegetal em Vila Nova dos Martírios, Itinga, Buriticupu, Bom Jesus das Selvas, Cidelândia e Açailândia. 



Em Vila Nova dos Martírios, município distante 664 km de São Luís, foi realizada a inspeção de propriedade de cultivo de banana cadastrada sob o Sistema de Mitigação de Risco para Sigatoka Negra. 


No setor plantado com a espécie cultivar Grand Naine, os fiscais inspecionaram as plantas e não foram observadas sintomas do mal do Panamá Raça 4 (Foc TR4), nem de moko da bananeira. 


As principais ocorrências que são correntes encontrar são: a sigatoka amarela, tripes, mancha cordana e sigatoka negra em baixa ocorrência. 


Os fiscais da Aged ainda realizaram 14 fiscalizações do vazio sanitário da soja, sendo 10 em Açailândia e quatro em Cidelândia, onde um produtor de Cidelândia foi notificado a destruir 350 hectares de soja guaxa. 


A ação da Unidade Regional da Aged de Açailândia fiscalizou estabelecimentos comerciais de agrotóxicos em Buriticupu e Bom Jesus das Selvas. E ainda realizou uma blitz noturna em Itinga com apoio da Polícia Militar para fiscalizar o trânsito agropecuário. 


Reportagem: Willame Policarpo

Nenhum comentário:

Postar um comentário