RÁDIO TROPICAL FM 89,3

https://cantador.app:9160/live

terça-feira, 19 de outubro de 2021

Mãe e filha morrem afogadas após canoa afundar em rio no Piauí; babá está desaparecida


Mulher de 36 anos e a filha, de 5, estavam entre as cinco pessoas desaparecidas após uma canoa com 11 ocupantes ter afundado na tarde de domingo no rio Parnaíba; corpos de outras duas mulheres também foram encontradas 


Babá da criança continuava desparecida até o fechamento da reportagem. 

 

Os corpos de uma mulher de 36 anos e da filha, de 5, foram encontrados nesta segunda-feira (18) no Rio Parnaíba, em Antônio Almeida, Sul do Piauí.  


As duas estavam entre as cinco pessoas desaparecidas após uma canoa com 11 ocupantes ter afundado na tarde do domingo (17). 

 

Testemunhas disseram que Julianne Bezarra Magalhães chegou a ser salva pelo marido, mas, ao chegar à margem e não encontrar a filha, Maria Júlia, voltou a mergulhar e desapareceu.  


Fernanda Pereira dos Santos, de 18 anos, babá da menina, não havia sido encontrada até a última atualização desta reportagem. 



Outras duas mulheres, Jocilene Araújo e Elissandra Barros Siqueira, também morreram afogadas no acidente, e seis pessoas foram resgatadas com vida. O acidente ocorreu no povoado Formiga, 20 km distante da zona urbana de Antônio Almeida, a 400 km de Teresina. 

 

De acordo com o coronel Feitosa, comandante da Polícia Militar de Uruçuí, os corpos de Julianne e de Maria Júlia foram encontrados por volta das 13h de segunda (18), bem perto um do outro, por pescadores que auxiliam o Corpo de Bombeiros nas buscas. 

 


A secretária de Saúde de Antônio Almeida, Jamila Martins, afirmou: "Segundo testemunhas, a água começou a entrar na canoa, e um dos homens que comandavam a canoa pediu para que três pessoas fossem para trás. Entretanto, muita gente foi, e a embarcação acabou afundando". 



A Polícia Civil informou que uma equipe de investigação, com um perito criminal, ficou responsável pelas buscas e deve produzir um relatório sobre o acidente. 

 

Quem são as vítimas 

 

— Jocilene Araújo Brito, 38 anos (irmã de um vereador da cidade, encontrada morta) 

 

— Elissandra Barros Siqueira, 21 anos (amiga de Jocilene, encontrada morta) 

 

— Julianne Bezerra Magalhães Saraiva, 36 anos (mãe de Maria Júlia, encontrada morta) 

 

— Maria Júlia Magalhães Saraiva Martins, 5 anos (filha de Julianne, encontrada morta) 

 

— Fernanda Pereira dos Santos, 18 anos (babá de Maria Júlia, continuava desaparecida até a última atualização desta reportagem) 

 

Sobreviventes 

 

— Dárcio saraiva Martins (marido da Julianne e pai da Maria Júlia) 

 

— Marcos Túlio Borges de Oliveira, de 14 anos 

 

— Valdimar Borges dos Santos 

 

— Monalisa Barros de Oliveira, de 16 anos 

 

— Mariane Barros Borges, de 5 anos 

 

— Maria Hortenir Borges dos Santos 


Reportagem: Willame Policarpo

Nenhum comentário:

Postar um comentário